Estreia Filme Ivan nos Cinemas

Filme “Iván” tem datas de estreia confirmadas em cinco capitais brasileiras

A partir de 19 de novembro, entra em cartaz o filme “Iván”, longa-metragem do diretor Guto Pasko que retrata a história real do refugiado ucraniano Iván Bojko, que durante a Segunda Guerra Mundial foi tirado à força de seu país por nazistas, realizou trabalhos forçados na Alemanha, imigrou para o Brasil, foi impedido de fazer contato com sua família, e após 68 anos retornou à Ucrânia, aos 91 anos, em um reencontro com o seu país, sua família e seu passado.

Em 19 de novembro, o filme terá sua primeira exibição no Rio de Janeiro, durante uma pré-estreia para convidados no renomado Cine Odeon, com venda limitada de ingressos. A sessão contará com as presenças do diretor Guto Pasko, da produtora Andréia Kaláboa e de convidados especiais. Após esta sessão, o filme permanecerá em cartaz na capital fluminense.

Na semana seguinte, em 26 de novembro, “Iván” chega a mais quatro capitais brasileiras: São Paulo, Curitiba, Brasília e Porto Alegre, onde será exibido nas unidades do Espaço Itaú de Cinema de cada cidade. Em Curitiba, será exibido também no Cineplus jardim das Américas. Estão marcadas também sessões de pré-estreia em São Paulo (23 de novembro, no Espaço Itaú – Frei Caneca) e Curitiba (24 de novembro, no Espaço Itaú – Shopping Crystal). Nesta mesma semana, o filme continuará em cartaz no Rio de Janeiro, totalizando cinco praças em cartaz.

Boa recepção nas redes sociais

Em apenas dois dias após o lançamento da página do filme “Iván” no Facebook, foram registradas mais de 10 mil visualizações do trailer e mais de 1.000 curtidas na página (www.facebook.com/ivanfilme), comprovando o interesse do público pela temática do filme. Na última quarta-feira (28 de outubro), é lançado o Instagram de “Iván” (@ivanfilme), que ganha um novo canal de divulgação dentro das redes sociais.

A história real de um refugiado

Iván Bojko é um sobrevivente da Segunda Guerra Mundial. Nascido na Ucrânia, foi tirado à força de seu país em 1942 pelos nazistas para fazer trabalhos forçados na Alemanha, onde permaneceu até 1945. Com o fim da Segunda Guerra Mundial, ele não pôde retornar à Ucrânia porque os russos dominaram o país e declararam inimigos ou traidores todos os cidadãos da então União Soviética que contribuíram com a Alemanha, mesmo que em circunstancias como as vividas por Iván Bojko, que foi capturado e forçado a trabalhar para os alemães. Se retornasse seria morto ou preso e enviado para a Sibéria

Em 1948 conseguiu imigrar para o Brasil, tornando-se apátrida. Desde então, não pôde retomar contato com seus familiares devido ao bloqueio imposto pelo regime político dos russos em seu país

68 anos depois, Iván Bojko retornou à Ucrânia. Este comovente reencontro com o seu país, sua família e seu passado é retratado no filme “Iván”, baseado nos diários escritos pelo próprio Iván Bojko, que tinha 91 anos quando voltou a pisar em solo ucraniano, poucos anos antes de um novo conflito entre russos e ucranianos ter início no país.

Mobilização para debates sobre o tema dos refugiados

Em conjunto com o lançamento do filme, estão sendo organizados debates sobre o tema dos refugiados. O assunto é presença diária nos noticiários, redes sociais, universidades, entre outros tantos espaços. Já estão sendo organizados debates nas primeiras cidades em que o filme vai estrear (Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre e Brasília), e a intenção é aumentar o número de encontros para discutir o assunto no maior número possível de cidades. Quem quiser contribuir e organizar um evento como este em sua cidade, pode entrar em contato com distribuidora Moro Filmes e com a Taturana Mobilização Social ( contato Moro Filmes e [email protected]), que contribuirão com o que o que estiver ao alcance para sua realização.
“Iván” tem direção de Guto Pasko, experiente realizador paranaense, que é descendente de ucranianos, e abordou o tema imigração em outros títulos de sua filmografia, tais como “Made in Ucrânia – Os Ucranianos no Paraná”, “A Colônia Cecília” (neste caso, sobre imigrantes italianos) e “O Herói de Cruz Machado” (poloneses).
O filme recebeu premiações no Festival de Cinema  de Maringá, Florianópolis Audiovisual Mercosul, Fest Cine Goiânia, além de ser exibido nos festivais de Brasília, Mostra Tiradentes, Olhar de Cinema (Curitiba), Cinesul , FENAVID (Bolívia), Festival Cinematográfico de Montevideo (Uruguai) e Festival Latino-Americano de Cinema de Trieste (Itália).

 “Iván” é uma realização da GP7 Cinema, com produção de Andréia Kaláboa, patrocinado pela Petrobras, com a distribuição da Moro Filmes através do Edital do FSA para distribuição. 

Serviço:

Datas de estreias:
19/11 – Rio de Janeiro
26/11 – São Paulo, Curitiba, Brasília e Porto Alegre

Pré-estreias:
19/11 – Rio de Janeiro (Cine Odeon)
23/11 – São Paulo (
Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca)
24/11 – Curitiba (Espaço Itaú de Cinema – Shopping Crystal)

Trailer oficial deste longa-metragem. Veja aqui.

Iván na internet:

Página no Facebook:
www.facebook.com/ivanfilme

No Instagram:
@ivanfilme

Página oficial:
ivanfilme.com